Rua Antônio Parreiras, 15 - 1604. Boa Viagem - Niterói / RJ -- BRASIL

Cep: 24.210-320

contato@grupocastellani.com.br

               

         Tel.: +55 21 999-099-666

Envie: "VINHOS" pelo Whatsapp e entre para o Grupo:

- Guia de Vinhos -

  • White YouTube Icon
  • White Vimeo Icon
  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White Instagram Icon

© 2016 Copyrights: Grupo Castellani e Club On the Rocks - Brasil. ® Todos os direitos reservados.

Website e Aplicativo desenvolvidos por Grupo Castellani Inovações & Tecnologia. Consulte-nos por e-mail.

CAFÉ TRADICIONAL

Depois da semana de treinamento de degustação, agora é o momento de começarmos a entender algumas diferenças, e saber que café não é tudo a mesma coisa.

 

Com certeza vocês já ouviram falar que os melhores cafés vão para fora do Brasil. Pois é, então você já parou para pensar qual é a qualidade do seu café de casa? E por que ele é diferente dos cafés de algumas cafeterias, e principalmente o valor?

 

Bem, nesse momento você deve estar pensando:

 

“Verdade. Já ouvi falar que o café que tomamos em casa vem até com milho, palha e por aí vai, coisas que nem café são”.

 

Abic é o selo de pureza que dá a garantia de que tudo que está dentro do pacote tenha somente café (arábica, conillon/robusta), ou misturados e, nada além disso. Porém, o café tradicional é constituído com grãos pretos, verdes e ardidos, os quais chamamos de defeitos, e também safras já passadas.

 

De acordo com a classificação COB (Classificação Oficial Brasileira), separam-se uma amostra de 300gr de café cru, e cada defeito encontrado tem uma equivalência. E os cafés tradicionais levam por volta de 360 defeitos em 300gr de café cru, correspondendo ao Tipo 8.

 

Tipo 2 - de 4 a 11 Defeitos em 300gr de grão de café cru (Gourmet)

Tipo 4 - de 26 a 44 Defeitos em 300gr de grão de café cru (Gourmet ABIC)

Tipo 8 - 360 defeitos ou mais em 300gr de grão de café cru (Tradicional ABIC).

 

Defeitos:

 

Pretos – Colheita atrasada dos frutos e permanência prolongada em contato com o chão. Considerado o pior defeito e sua equivalência é de 1 ponto por grão, prejudicando aspectos, cor, torração, e seus efeitos na bebida são: Sabor fedorento, mofado, sujo, azedo e fenólico.

 

Verdes – Colheita de frutos verdes. Também prejudica no aspecto, cor, torração, e na bebida causa forte adstringência e sua equivalência é de 1 ponto para 5 grãos encontrados.

 

Ardidos – Colheita de frutos verdes, colheita atrasada e permanência prolongada dos frutos em contato com o chão. Prejudica aspectos, cor, torração e seus efeitos na bebida causa sabor azedo, fermentado e forte cheiro desagradável dependendo do grão de fermentação. Sua equivalência é de 1 ponto para cada 2 grãos encontrados.

 

Brocados – Ataque de “Broca no café”. Sabor de fermentação, sujo, terra e fenólico. Sua equivalência é de 1 ponto de 2 a 5 grãos encontrados.

 

Com tudo isso, vamos as características sensoriais:

 

Aroma - Fraco a Moderado
Acidez - Baixa
Amargor - Fraco a Moderadamente Intenso
Sabor - Razoavelmente Característico
Sabor Estranho - Moderado
Adstringência - Moderada
Corpo - Pouco Encorpado a Encorpado
 

 

 

 

 

                                                                                                                

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Blog

Featured Posts

2018. O ano da SUPER-SAFRA!

April 13, 2018

1/7
Please reload

Archive
Please reload

Follow Me
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Pinterest Icon